Resenha de "Mais Mortos do que Nunca!" - Monster High #4

A resenha demorou, mas chegou... E eu fico contente de informar que a série Monster High foi concluída de forma linda, apesar de eu não ter gostado de como algumas situações foram resolvidas. 

"Mais Mortos do que Nunca!" encerra o ciclo dos Irados e normies com o mesmo ritmo e envolvimento do livro anterior, em outras palavras, foi eletrizante! 
"- As coisas estão realmente diferentes agora - disse Billy quando estavam sozinhos de novo. A aceitação dos IRADOS estava começando a se espalhar além dos limites de Salem."
Se quiser, leia as resenhas dos três primeiros livros da série: Monster High, Monster High #2 e Monster High #3.

[SPOILER] Na festa de aniversário da loba mais fashion de Salem, mais conhecida como Clawdeen, os Irados enfim se libertaram de tudo que os incomodavam e agora, o Sr. D quer que todos eles tenham um escola própria, onde apenas Irados podem entrar, ou seja, quer separá-los mais uma vez do mundo normie. Finalmente tudo está lindo e muito bem resolvido, mas como explicar ao teimoso e mandão Sr. D que as coisas devem permanecer assim? [SPOILER]

Lala, uma vampira muito simpática, se vê em uma difícil missão: enfrentar seu poderoso papai Drac e manter a situação atual dos Irados como esta, afinal, não seria justo acabar com o que eles conquistaram com tanto afinco... Avante, Merston High!

Frankie quer ser a representante de Merston High num concurso cultural em que a escola está participando, mas terá uma concorrente à altura, Cleo De Nile, que fará de tudo para acabar com os seus planos. 

Melody se torna vocalista de uma banda, realizando um de seus sonhos, mas até onde ela irá para continuar fazendo o que tanto queria? Ao entrar para a banda, ela arruinou seus planos de verão com Jackson e agora ele se sente deixado de lado, pois ela nunca tem tempo para sair com ele. Como se isso não fosse suficiente, surge Granite Sander, um garoto que mexerá intensamente com o seu coração.

Cheio de referências e tiradas cômicas, a trama envolve e diverte, foi muito bem escrita e amarrada, mas irritou em alguns momentos. O lado negativo continua sendo o mesmo: cenas e atitudes cansativas, a Melody, por exemplo, voltou a ser demasiadamente chata.

A autora soube encaixar os clichês, em pontos estratégicos, sem deixar a história cair na mesmice, e por mais esse motivo, a leitura fluiu de forma rápida e natural. Só achei que colocar mais um triângulo amoroso nessa altura do campeonato foi desnecessário e só serviu para eu desgostar ainda mais da Melody. Em relação aos demais personagens, gostei do que aconteceu com praticamente todos, especialmente, com Frankie e Lala.

Para quem não lembra, a narrativa é em terceira pessoa e intercala os capítulos entre Lala, Frankie e Melody - com dois ou três capítulos do Billy (as únicas personagens fixas, ao longo da série, são Frankie e Melody). Apesar de não ser o meu favorito da série, eu gostei bastante de Monster High #4 - aliás, meu favorito é o terceiro. 

As capas são lindas, mesmo não mantendo o belo contorno rosa das páginas; a diagramação também é fantástica, mas a revisão ainda deixa a desejar. A editora iD relançou os dois primeiros livros da série, incluindo, desta vez, o capítulo 13 em ambos.
  • Escrito por Lisi Harrison.
  • Editora iD.
  • Tradução: Renata Tufano.
  • 351 páginas.
  • Disponível em todas as livrarias.
  • Recomendo. =)

11 comentários:

  1. Eu não sabia que tinha a série Monster High em livros <3 Fiquei doida pra ler.

    http://leiturasdaanna.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Gente, iD tem pecado sério nas revisões, morro de medo de comprar livros deles agora!

    Ah, Rafa, você sempre fala bem dessa série, mas ainda não tomei vergonha pra ler o primeiro. E um triângulo amoroso no último livro, sério? Nossa, já cansei daqui.

    Enfim, pena que pecou um pouquinho, mas se ainda assim agradou, então que bom :D

    Beijitos

    ResponderExcluir
  3. Oi Rafaela,

    É a primeira vez que leio uma resenha de MONSTER HIGH... não vale rir... mais minha sobrinha tem várias dessas bonequinhas.
    Fico feliz que a autora tenha conseguido encerrar a série de uma boa forma, pelo menos te agradou não é?
    Já vi muitos casos que o primeiro livro da série é o máximo e o final deixa a desejar, pelo visto não foi esse caso.
    Acho muito triste quando a editora peca na revisão, é como se fosse um descaso total com o autor e com is leitores!
    Adorei sua resenha, ela está muito bem estruturada parabéns!

    Beijos

    Patty Santos - Blog Coração de Tinta
    http://www.coracaodetinta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Rafa!
    Sou louca por Monster High e estou mega ansiosa para ler o 3º e 4º volumes da série, só tá faltando tempo e $$. rs
    Que bom que você curtiu a leitura. Eu confesso que pulei onde você colocou spoillers, para não estragar a surpresa da leitura. rs Mas adorei a resenha! Me deixou ainda mais ansiosa!
    Beijos
    http://www.coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Rafa!

    Minha prima é pirada nessas bonequinhas e nesse sábado quase comprei o livro pra ela, mas não tinha o primeiro D:
    Mas espero comprar em breve o primeiro pra ela começar a ter gosto na leitura, já que ela é fanática nas bonecas e nos vídeos, espero que ela goste de ler também ;-; Isso será muito mágico ;-; Ai vou poder emprestar meus livros pra ela HUAEHUAE
    Ótima sua resenha, e não me incomodo com spoiler, acho impossível você fazer uma resenha de livros que fazem parte de uma série sem spoiler D:

    Beijos,
    Nathália
    Nova resenha em Livroterapias

    ResponderExcluir
  6. Já ouvi muitos comentários sobre a série, mas particularmente, eu não estou muito interessado na série... Desculpe-me os fãs...

    Estou lendo uma série de vampiros... O sdois primeiros livros foram bons, mas agora ficou muiito cansativo.. House of night. A série tem doze livros, eu estou no quinto!
    Eu jurei que não ia ler mais livros sobre vampiros, mas acabei me entregando á House of night...
    Bom, mesmo assim, adorei sua resenha! Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Não li nem o primeiro e aqui está você me deixando curiosa quanto ao último livro. Justo o último, Rafa! HAHAHAHAHA. A série não faz muito meu estilo, mas eu daria um chance por:
    1. Você recomendar
    2. Os desenhos e as bonecas serem um amor <3

    Beijinhos!
    http://www.ultimoromance.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Rafa! Eu achava que a série fosse bem bobinha, mais infantil mesmo, mas lendo a resenha vi que fiz uma ideia bem errada, parece bem divertido e esta capas são um luxo.
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Concordo plenamente Rafa! O triângulo amoroso foi desnecessário, e a Melody fica um porre novamente. Agora, a Lala foi uma personagem da qual eu gostei muito, o jeito dela agir, e o melhor foi entendermos como é a relação dela com o pai, de certa forma, isso me emocionou. Achei o final da série válido, por mais que haja muitos lados negativos na série, ela caba passando lições importantes para nós, além de ser deliciosa de se ler, a autora andou entre trancos e barrancos mas terminou a série de uma forma legal, não do jeito que eu esperava, mas ficou legal mesmo assim!
    Beijos, Rafa!

    ResponderExcluir
  10. Eu quero muito ler esses livros, ainda nem não li nenhum. Na hora que li spoilers tomei um susto, meus olhos quase vão de curiosidade...hahahaha Mas fiquei com medo de estragar a surpresa dos outros livros que não sei quando vou ler...haha


    Beijos

    ResponderExcluir
  11. eu estou doido para ler ! ! !

    ResponderExcluir

Hey you,
gostou do que leu, encontrou algum erro ou quer acrescentar algo?
Não deixe de comentar! =)
Sua opinião é muito importante para o blog.
Beijocas.

© 2012 - Todos os Direitos Reservados
Design por: Gabrielle Alves | Para uso exclusivo do blog Artesã Literária